O que é Contabilidade | Six IT Consultores especializados

O que é Contabilidade

O que é Contabilidade

A Contabilidade é a ciência que estuda, interpreta e registra os fenômenos que afetam o patrimônio de uma entidade. Para tanto, registra toda a movimentação financeira da empresa que repercute em sua situação patrimonial (bens, direitos, obrigações, receitas e despesas).

Os registros contábeis dão origem aos relatórios que são utilizados para a análise financeira.

Portanto, é a principal fonte de informações para a tomada de decisões dentro e fora da empresa.

Consultoria ERP

Seja qual for a necessidade, sempre oferecemos uma solução.

Consultores experiente em SAP e Totvs Protheus. Atendimento para suporte, implantação, e melhorias em seu sistema ERP. Possuimos atendimentos presencial e Remoto. Entre em contato e solicite uma cotação .

Saiba Mais

Conceitos da Contabilidade

Regimes de Contabilização

Regime de caixa: O registro dos fatos contábeis e a apuração dos resultados consideram somente as entradas e saídas de caixa ocorridas no período, independentemente de quando ocorreram os fatos geradores que lhes deram origem.

Regime de competência: O registro dos fatos contábeis e a apuração dos resultados consideram o momento em que ocorrem os respectivos fatos geradores, independentemente dos reflexos financeiros (recebimentos ou pagamentos) derivados desses fatos que possam vir a ocorrer. Como pressuposto básico (princípio da competência) é obrigatório para a escrituração contábil das organizações.

Demonstração de Resultado:

Relatório contábil que evidencia como foi obtido o resultado da empresa e a forma como a empresa obteve e gastou os seus recursos ao longo do período.

Receitas:

Remuneração obtida em troca da venda de produtos e bens da empresa ou pela prestação de serviços.

Despesas:

Gastos de bens e serviços com o objetivo de gerar receitas. São incorridos pela empresa para comercializar seus produtos e/ou serviços, bem como para financiar e manter suas atividades.

Custos:

Gastos aplicados na geração de um bem ou serviço, sendo ativados até que venham a produzir receitas para a empresa, quando então são levados ao resultado sob a forma de despesa normalmente sob a denominação de “Custo dos Produtos ou Serviços Vendidos”.

Regime de Competência:

Principio contábil pelo qual se convenciona que as receitas e as despesas devem ser incluídas na apuração do resultado do período em que ocorrerem, sempre simultaneamente quando se correlacionarem, independentemente de recebimento ou pagamento.

Ativo

CIRCULANTE

Registram os recursos da empresa que estão constantemente em circulação (giro) e cuja realização (conversão em dinheiro) ocorrerá, no máximo, até o próximo exercício social (365 dias)..

NÃO CIRCULANTE

Registram os recursos da empresa que por essência não tenham giro imediato.

Realizável a Longo Prazo

Incluem-se nessa conta bens e direitos que se transformarão em dinheiro após o exercício seguinte (mais que 365 dias).

Permanente

São bens e direitos que não se destinam a venda e têm vida útil longa, no caso de bens.

  • Investimento: Aplicações de caráter permanente que geram rendimentos não necessários à manutenção da atividade principal da empresa.
  • Imobilizado: Investimentos corpóreos (tangíveis) de natureza permanente que serão utilizados para a manutenção da atividade básica da empresa (prédios, máquinas, veículos, etc.).
  • Intangível: Investimentos incorpóreos destinados a manutenção da atividade básica da empresa (marcas, patentes, etc.).

 

Passivo

CIRCULANTE

Compreende obrigações exigíveis que serão liquidadas no próximo exercício social: nos próximos 365 dias após o levantamento do balanço.

NÃO CIRCULANTE

Registram as obrigações da empresa que por essência não tenham giro imediato.

Exigível a Longo Prazo

Relacionam-se nessa conta obrigações exigíveis que serão liquidadas com prazo superior a um ano (dívidas a longo prazo).

PATRIMÔNIO LÍQUIDO

São recursos dos proprietários aplicados na empresa. Os recursos significam o capital mais o seu rendimento lucros e reservas. Se houver prejuízo, o total dos investimentos proprietários será reduzido.

  • Capital Social: Valor investido na empresa pelos sócios..
  • Reservas: Rendimentos gerados pelo investimento dos sócios, porém não distribuídos (lucros).
Veja Também
Message Us on WhatsApp